Olá galera o/

No post de hoje, vamos aprender como validar a escrita das nossas queries utilizando uma funcionalidade chamada Parse, que esta disponível no SQL Server Management Studio.

Para que serve o Parse?

O Parse é uma funcionalidade disponível no SQL Server Management Studio que verifica se o desenvolvedor escreveu sua sintaxe SQL corretamente.

Obs.: O Parse valida somente a escrita, ou seja, ele não vai validar se os objetos como tabelas, views, procedures existem no seu banco de dados.

Agora, vamos praticar.

Exemplo 01 – Escrita correta

Primeiro, vamos fazer uma consulta simples corretamente, ou seja, sem erros de escrita na query.

-- consulta com a escrita correta
select 
	 firstname
	,lastname
	,city
	,region
	,country
	,CONCAT_WS(' ', firstname, lastname) as fullname
from [HR].[Employees]

Agora, vamos clicar no botão Parse (CTRL+ F5) para verificarmos a escrita da query está correta. Percebam que, ele apresentou a mensagem “commands completed successfully”, ou seja, o SSMS entendeu que a escrita da query não contem erros.

1 – Selecionar o script
2 – Clicar em Parse ou CRTL + F5
3 – Analisar retorno do Parse.

Exemplo 02 – Escrita com erro

Agora, vamos acrescentar um parenteses extra na função concat_ws, um erro de sintaxe será exibido. Geralmente quando estamos escrevendo queries, apenas criamos todo o código e clicamos no botão Executa (F5), se algum erro for apresentado, procuramos onde está o erro na escrita da query.

Ao invés de, ficarmos procurando aonde erramos, podemos criar nossa query e clicar no botão Parse (CTRL+F5) para avaliarmos erros na escrita da query, isso pode economizar um tempo enorme no desenvolvimento do seu código.

Percebam que, ao clicarmos no Parse, ele exibe o possível erro e em que linha está acontecendo o mesmo, assim, facilitando a identificação e correção. Para corrigirmos o nosso código, deletamos o parenteses extra no final da função concat_ws.

Obs.: É de extrema importância que o desenvolvedor saiba debugar o erro apresentado no código. A funcionalidade ajuda na identificação, mas não na correção.

1 – Selecionar o script
2 – Clicar em Parse ou CRTL + F5
3 – Analisar retorno do Parse. Entender os detalhes do erro.

-- consulta com a escrita incorreta - parenteses extra no concat_ws
select 
	 firstname
	,lastname
	,city
	,region
	,country
	,CONCAT_WS(' ', firstname, lastname)) as fullname
from [HR].[Employees]

Exemplo 03 – Escrita com erro

Agora, vamos acrescentar uma vírgula após a coluna country. Percebam que temos uma vírgula na linha 35 e na linha 36, separando a coluna country da coluna fullname.

Percebam que, ao clicarmos no Parse, ele exibe o possível erro e em que linha está acontecendo o mesmo, assim, facilitando a identificação e correção. Para corrigirmos nosso código, podemos deletar uma das vírgulas extras (linha 35 após o nome da coluna ou 36 antes da função SQL), adicionadas erroneamente no código.

Obs.: É de extrema importância que o desenvolvedor saiba debugar o erro apresentado no código. A funcionalidade ajuda na identificação, mas não na correção.

1 – Selecionar o script
2 – Clicar em Parse ou CRTL + F5
3 – Analisar retorno do Parse. Entender os detalhes do erro.

-- consulta com a escrita incorreta - virgula extra após a coluna country
select 
	 firstname
	,lastname
	,city
	,region
	,country,
	,CONCAT_WS(' ', firstname, lastname) as fullname
from [HR].[Employees]

Exemplo 04 – Escrita com erro

Agora, vamos acrescentar um ponto após o ALIAS da coluna fullname.

Percebam que, ao clicarmos no Parse, ele exibe o possível erro e em que linha está acontecendo o mesmo, assim, facilitando a identificação e correção. Para corrigirmos nosso código, podemos deletar o ponto adicionado erroneamente no ALIAS da função concat_ws.

Obs.: É de extrema importância que o desenvolvedor saiba debugar o erro apresentado no código. A funcionalidade ajuda na identificação, mas não na correção.

1 – Selecionar o script
2 – Clicar em Parse ou CRTL + F5
3 – Analisar retorno do Parse. Entender os detalhes do erro.

-- consulta com a escrita incorreta - erro no alias da função concat_ws
select 
	 firstname
	,lastname
	,city
	,region
	,country
	,CONCAT_WS(' ', firstname, lastname) as fullname.
from [HR].[Employees] as e
inner join Sales.Orders as o
	on e.empid = o.empid

Considerações Finais

Hoje aprendemos como utilizar a funcionalidade PARSE do SSMS. É uma funcionalidade muito útil que pode te ajudar a realizar uma análise mais rápida e detalhada dos erros de escrita das suas queries. Assim como, te proporciona agilidade no desenvolvimento e te faz ganhar expertise em troubleshooting de erro s da linguagem SQL. Um bom desenvolvedor, é aquele que sabe aproveitar o máximo de sua ferramenta de trabalho.

Espero que tenham gostado do post de hoje. Valeu Pessoal !!!

Quem quiser mandar comentários, sugestões, críticas e complementos, fiquem a vontade, pois feedbacks positivos ou negativos engradecem meu conhecimento para poder melhorar as postagens para vocês.

Até a próxima o/

Acessem nossas Redes Sociais: